Notícias

Diocese de Guarapuava prepara-se para o Sínodo 2023

16 de outubro

Diocese de Guarapuava prepara-se para o Sínodo 2023

“Um à escuta dos outros; e todos à escuta do Espírito Santo.”

“Todos os batizados são chamados a tomar parte na vida e na missão da Igreja.”…

O 16º Caminho Sinodal foi inaugurado pelo Papa Francisco nos dias 9 e 10 de outubro de 2021, na Basílica de São Pedro,  em Roma.

Sínodo é uma palavra antiga e venerável na Tradição da Igreja, cujo significado se inspira nos temas mais profundos da Revelação […] Indica o caminho que o povo de Deus percorre. Da mesma forma, refere-se ao Senhor Jesus, que se apresenta como ‘o caminho, a verdade e a vida’ (Jo 14,6), e ao fato de que os cristãos, seus seguidores, foram originalmente chamados de “seguidores do Caminho”

Ao escolher os verbos ‘encontrar, escutar e discernir’ em sua homilia, o Papa Francisco deu início ao processo sinodal.

Previsto no Decreto do Concílio Vaticano II Christus Dominus, que trata sobre o Múnus Pastoral dos Bispos, o Sínodo dos Bispos criado pelo Papa Paulo VI, tem por finalidade ouvir a contribuição da Igreja, de todas as partes do mundo, e os seus pareceres para colaborar com o Papa na sua função primacial.

O itinerário para as celebrações nos próximos dois anos consta de três etapas: diocesana, continental, universal. A fase de escuta diocesana vai até abril de 2022 e será seguida por uma fase continental de setembro de 2022 a março de 2023. A última “fase da Igreja universal” culminará na tradicional assembleia do Sínodo dos Bispos no Vaticano, em outubro de 2023.

Sob o tema central ‘Por uma igreja sinodal, comunhão, participação e missão’, o processo requer o envolvimento das comunidades, paróquias, pastorais, movimentos, serviços, associações e vida consagrada presente nas dioceses.

Diocese de Guarapuava iniciará  o seu caminho neste domingo na Santa Missa,  às 19h na Catedral Nossa Senhora de Belém, sob a presidência do Bispo Diocesano Dom Amilton da Silva – CP.

O objetivo da primeira fase é a consulta do povo de Deus para que o processo sinodal se realize na escuta da totalidade dos batizados.

Para efetivar a consulta, cada bispo nomeará uma equipe diocesana que possa atuar como ponto de referência e de ligação com a conferência episcopal e que acompanhe a consulta na Igreja Particular em todas as suas fases.

As equipes têm a missão de animar o processo de consulta em suas realidades, promover o envolvimento de todas as forças vivas da diocese, promover experiências formativas sobre o tema do sínodo.

“Não é necessário criar outra Igreja, mas sim criar uma Igreja diferente”, declarou o Papa Francisco.

 

 

 

Elisabete Mogalski – PASCOM Paroquial

 

 

 

Notícias Relacionadas

Comunidade Menino Jesus realiza palestra sobre saúde pública

17 de abril

Comunidade Menino Jesus realiza palestra sobre saúde pública

A Comunidade Menino Jesus proporcionou, no dia 15 de abril, estimulada pela Campanha da...

Congregação do Verbo Divino despede-se de mais um  Padre Missionário

12 de setembro

Congregação do Verbo Divino despede-se de mais um Padre Missionário

Após uma luta incansável contra o COVID – 19 Pe. Ademar Lino de Souza...

Paróquia Santa Terezinha realiza Primeira Eucaristia

30 de maio

Paróquia Santa Terezinha realiza Primeira Eucaristia

Adiada pela pandemia, a Primeira Eucaristia que aconteceria no ano passado, pôde ser celebrada,...